.post a img, .post img { width: 695px; height: auto; padding: 0; margin: 0px -40px 0px -40px; border: none; } -->

18 dezembro 2017

Descobri que tudo era amor...

Imagem: NMVD
As mensagens trocadas. Os sorrisos largos numa tarde entediante sem ninguém saber o motivo. Um match, foi necessário para dar origem a um sentimento forte, confortável e nada instável. Não permanecia a mesma coisa, como se fosse a primeira vez, parece que já tinha caído na rotina, mas não era. É só mais um romance surgindo, de filme americano, aqueles que os adolescentes se conhecem de repente, apaixonam-se, enfrentam barreiras e ao som de uma música melodramática, comemoram com um beijo tudo que foi conquistado juntos.

Eu poderia ter acabado com tudo isso desde o inicio, estava fugindo de amores, apegos e companhias. Mas quando o sentimento, mais especificamente, o amor, é mais forte, faz com que todas as decisões já tomadas sejam atropeladas por si mesmo. Numa briga interna, entre razão e paixão.

Mas teu corpo me chama, teu rosto me encanta, seu sorriso me inspira e sua alma me ama. E tudo entra em sintonia, como se tivesse sido feito um para um outro, e os dois para o mundo, ou contra o mundo. 


Desejo realizar teus sonhos, teus desejos, amar as tuas manias, seu jeito de ser, amar a sua companhia. Não sabe o quão é bom, para mim, ter-te ao meu lado. Um sentimento bom que me leva, me acalma, me faz vagar sem sentir medo, tensão, só vontade e desejo de amar. Teu encanto protege, deixa leve e faz transpirar toda a calma que ficou presa em meu coração, que agora dou pra ti, tudo de bom que ficou guardado nele.

Mal sabia eu que toda essa confiança depositada em ti, era um sentimento que muitos temem, despreza, foge... Prefere distancia, mas descobri que tudo era amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário