.post a img, .post img { width: 695px; height: auto; padding: 0; margin: 0px -40px 0px -40px; border: none; } -->

09 setembro 2018

Não procure relacionamento quando está carente

Você aceitaria uma laranja, quando na verdade estava necessitando de cinco? Claro que não! Não iria adiantar de nada ter apenas um quinto daquilo que precisa para ter um resultado completo, ou se decidir usar somente uma das laranjas, irá ficar sem gosto, também sem açúcar, completamente sem graça ao resultado final da receita que prometia um delicioso sabor, que iria durar muito na boca, para que o deguste não seja perdido rapidamente e tampouco esteja numa montanha-russa de sabores enquanto termina de comer todo prato. Da mesma maneira funciona com o amor, as vezes aceitamos menos do que precisamos, ou merecemos, só porque necessitamos para aquele momento, já!

Por isso uma grande quantidade de pessoas frustradas com o amor, desistindo de amar, gostar, aproveitar momentos e nos aventurar em amores passageiros que surgem em nossa vida sem cerimônia. É irónico, ao mesmo tempo que a vida é um grande oceano de amores,  em alguns momentos do caminhar das ondas, sofremos por grandes impactos quando deixamos para amar depois e mais ainda quando as ondas de puro vazio resolvem se movimentar, trazendo um grande vazio para dentro da gente que, consequentemente, nos fará buscar pelo preenchimento.

E é aqui que pecamos, erramos miseravelmente. Não há motivos para procurarmos um amor quando não sabemos nos amar.

Eu já tive diversas más experiências com amor, alguns deixaram comigo lembranças e momentos incríveis que aquecem o meu coração só em relembrar. Outros, já não lembrl mais do nome, do rosto, da cor. É engraçado como só guardamos aquilo que mais impactou o coração, que criou sentimentos e desfez males passados que nos frustrou de alguma forma. E foi por isso que, ao invés de procurar um amor para saciar o meu desejo de ser amado e depositar a minha confiança em alguém, a minha decisão sobre encontrar um amor, foi reencontrar o amor que há em mim. Uma das melhores coisas que fiz por mim mesmo, todos deveriam se amar mais e dedicar o tempo que tem a seus sonhos, suas vontades e desejos, e recuperar a autoestima.

Dedicar a sua intensidade de ser, amar e estar, para si mesmo, também é importante!

2 comentários:

  1. Também sigo sozinha por não querer uma laranja, quando estou precisando de cinco!
    Aprendemos muito também sobre as nossas necessidades e que tipo de amor merecemos

    Com amor, ♥ Bruna Morgan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Bruna! Acho incrivelmente importante não procurarmos relacionamentos quando estamos num período de carência.

      Beijos do Deivy!

      Excluir